Mochilão 2017 – #PartiuPeru! Huaraz, capital peruana do trekking e trilhas – Lagunas Parón e 69

What’s up, girls and guys?! Beleza? Por aqui, os corres continuam hehehe

Hoje seguimos falando de Huaraz/PE e suas maravilhosas trilhas e passeios. O foco desta vez ficará com duas lagunas maravilindas que conhecemos: Laguna Parón e Laguna 69. Certeza que esses foram dias incríveis e que estamos muitos felizes em compartilhar com todos 😀 Mas vamos ao  que realmente interessa hehehee

HB4116

O terceiro dia em Huaraz ficou reservado para conhecermos a Laguna Parón e o famoso Nevado Artensonraju, aquele da logo da Paramount Films.

Bom, nosso passeio do dia começou bem cedo, com a empresa de turismo nos pegando em nosso hostel. Dali ainda passamos em mais alguns hostels e passamos também rapidamente no escritório da empresa. Com tudo preparado, pegamos a estrada, já por volta das 08h.

A primeira parada foi numa cidadezinha próxima, que não lembro o nome, cerca de 30 a 40 min de viagem. Foi aquela parada estratégica para esticar as canelas, ir ao banheiro e fazer algum lanche, pois dali para frente seria mais longa a viagem.

IMG_20171028_090049654_HDR

Partimos então, por volta de 09:15h, agora sem paradas, direto para a laguna. A viagem demorou umas 3 horas, então lá para 12h chegamos na MARAVILINDA LAGUNA PARÓN!

HB4116

E que laguna, que visual, meeewww… muito incrível mesmo!!! Diferente de tudo que já tínhamos visto! É show e recomendamos muito! A Laguna tem uma tonalidade de azul bem forte e fica cada vez melhor quando o sol vai saindo. Encontra-se a aproximadamente 4200m de altitude, mas como não tem muitas trilhas e coisas assim que exijam tanto esforço físico, é um bom passeio para se fazer para já ir se aclimatando às altas altitudes! No nosso caso, como já estávamos praticamente aclimatados, foi super tranquilo, então foi só aproveitar, sem treta!

O dia estava lindo, com o sol alto! Animal! E aquelas montanhas ao fundo incríveis!

HB4116

Lá na laguna existem algumas opções do que fazer, pode-se ficar na laguna em si, fazer até um passeio de caiaque, barco e tals… tem também uma trilha pequena, mais complicadinha, para se chegar ao mirante e poder admirar toda aquele cenário de um ângulo diferente! Esta trilha não é difícil, só é complicadinha e precisa de cuidado, pois tem que subir em pedras. São enormes pedras e não tem assim um caminho definido, então vai vendo e seguindo a galera que vai na frente! Mas é de boas! Os guias, super experientes sobem por caminhos mais diretos e sinistros, mas ai mano, é só para quem manja mesmo, os caras sobem e descem umas ladeiras vuados! Coisa de louco!

HB4116

Nós começamos a subida ao mirante umas 12:20h, depois das explicações do guia! Fomos como já aprendemos, devagar e sempre, aproveitando ao máximo toda a paisagem e o momento único. Após 30 min de caminhada, subindo, chegamos ao topo do mirante! Ainda tinha mais para andar, mas já tínhamos chegado na parte mais alta, então ficamos por ali mesmo, sentadinhos, admirando e tirando fotinhas heheh foi show!

HB4116HB4116HB4116

Depois de admirar, muuuita fotos e curtir tudo, começamos a descida, claro com bastante cuidado! Ás 14h já estávamos ao pé da laguna e já esfomeados! Mas antes de comer, aproveitamos que ali na laguna estava vazio e ficamos tirando mais fotos.

HB4116

Depois de uns 20 min começou a encher de gente, então, caçamos um cantinho, sentamos e ficamos ali, vendo a paisagem e comendo nosso sandubinha que preparamos para levar, pois neste passeio não tem almoço! Inclusive, é bom falar de que é muito necessário levar água, lanchinhos e claro, roupa para frio, pois venta muito!

 

Após todo esse vislumbre, lanche e tudo mais, por volta das 14:40h ~ 15h partimos de volta para Huaraz e chegamos lá para 17h~18h. E assim foi esse dia super da hora em que conhecemos a Laguna Parón. Terminamos felizes da vida e super, mega, master ansiosos, pois depois de toda essa lindeza, o dia seguinte seria de conhecer a famossíssima Laguna 69.

 

O quarto dia em Huaraz ficou reservado para conhecermos a Laguna 69.

E chegou o grande dia, esse com certeza seria um dos pontos altos da viagem! Depois de tanto pesquisar, ver fotos e relatos, estava na hora de conhecermos por nós mesmos a incrível Laguna 69 e sua trilha! Imaginem um lago com um incrível tom de de azul, há 4600 metros de altitude, formada pelo derretimento dos picos nevados da cordilheira.

Tudo começou beeeem cedo, para variar hehehe Às 5h já estávamos de pé e prontos para sair. Não demorou muito, às 05:30h e a van da empresa já passou para nos buscar, pois o passeio começa cedo mesmo, afinal, de Huaraz até o começo da trilha é um bom caminho, coisa de 3h! A Laguna 69 está dentro do Parque Nacional Huascarán, que faz parte da Cordilheira Branca.

IMG_20171029_052159841_BURST000_COVER_TOP

Por volta das 08:30h chegamos no início da trilha, mas antes tínhamos parado para tomar café e ir ao banheiro, pois após isso, o banheiro é na moita mesmo, com algumas vacas ao redor! kkkkkk Dependendo de como estiver o tempo, para-se também na Laguna LLaganuco, mas no nosso caso estava um dia bem nublado e tempo fechado, então passamos reto e ficou prometido a parada na volta!

Após chegada no início da trilha, o guia nos deu as dicas finais e já começamos a caminhar, afinal são 14km, sendo que metade é subida e num é tão fácil assim!!! Nós fomos bem agasalhados e com uma pequena mochila, pois já tinha sido aconselhado para não levar muita coisa; subir 7km de montanha com peso, a mais de 4000 mil de altitude não é muito bacana! ehehehe nesse dia não teve como escapar de casacos mais pesados, pois o tempo estava fechado, nublado e chuvoso, então fez toda diferença estar preparado! Em dias abertos, sem muito frio, ir com roupas mais leves deve facilitar bastante!

IMG_20171029_082722654-EFFECTS

A paisagem é incrível, bem preservada! Muita natureza e muita vaca! kkkk isso mesmo, vaca e boi pra tudo que é lado e eles ficam livres lá, pastando, fazendo suas necessidades por todo lado e rapaz, ficamos impressionados com a agilidade dos bichos, subindo e descendo a montanha assim numa boa e a galera, em geral, bem pregado!!!

Nós cansamos bastante, foi bem puxado, mas não tanto quanto já tínhamos visto algumas pessoas falando! Claro que é necessário bastante esforço físico e força de vontade, afinal tem gente que desiste, mas em tudo tem, então, o negócio é seguir firme, devagar e sempre, no ritmo, sem parar muito, pois tem-se um certo horário limite para subir e descer.

HB4116

Começamos 08:30h e o planejado era retornar até as 15h, no máximo!!! Então num dá também para ficar conversando tanto, nem parando o tempo todo, mas é isso! Foi animal, recomendamos demais demais e demais! Das trilhas que fizemos essa foi uma das mais difíceis e das viagens, foi a segunda mais difícil, logo após a subida ao vulcão Villarica, no Chile.

No começo estava um frio, mas depois de caminhar 20min, deu um calor! kkkkk é o esforço! Aí ficou parecendo que estávamos no filme Karatê Kid (2010): tira casaco, coloca casaco… quase um treinamento de kung fu kkkkkk

 

Ás 11:20 conseguimos chegar na laguna e foi muito gratificante, pois para nós não é só o destino que é importante e sim todo caminho! Então foi show demais, mais uma vez, a superação alcançada! O único porém é que realmente estava tudo nublado, a laguna estava coberta por névoa, mas nada que nos desanimou! Esperamos ali um pouco, descansando, comendo um chocolate para recuperar as energias hehehe Até que saiu um pouco o sol e pudemos ver aquele azul lindíssimo! Incrível mesmo! Mas infelizmente não durou muito e o que rolou foi chuva pesaaaaada kkkkkkkk mas da nada, a sensação de ter chegado era maior que tudo isso! Foi sorriso de lado a lado do rosto!

HB4116

 

IMG_20171029_113855387

Nós conseguimos ficar na laguna apenas uns 25 min, devido ao frio e chuva! Após ter nosso descanso e sessão de fotos, partimos para a descida! Aí foi mais de boas, bem mais suave, até pela sensação de dever cumprido!!! hehee

 

Na parte alta da montanha chovia mais forte, mas ao descer, a chuva foi melhorando e com o sol mais alto e sem tanto esforço deu para aproveitar melhor toda paisagem, tiramos mais fotos e tudo mais! Foi beeeeem da hora! Aproveitamos demais! Claro que se fosse um dia aberto, até as fotinhas teriam ficado mais bonitas, mas é isso! Detalhe que todos os outros dias e passeios, foi sol e sol, só nesse dia que deu esse tempo kkkkkkkkkkkkk a previsão nos enganou! Faz parte! 😛

 

A parte mais comédia desse passeio, talvez da viagem, foi que durante a descida, encontramos um rapaz caminhando sozinho, acho que ele tinha ficado para trás do grupo dele, meio perdidão! Aí resolvemos encostar e ir juntos. Para surpresa, era brasileiro e realmente não tínhamos encontrado muitos brasileiros em  Huaraz, então foi uma surpresa! Como era descida, deu para ir conversando numa boa… até aí, ótimo!

HB4116

 

IMG_20171029_121721932-EFFECTS

Até que no meio do caminho, já lá pela metade do trajeto, nos deparamos com um boi sinistro, ele estava no meio da trilha e não havia como passar, o bicho tinha uns chifres grandes e era todo pretão kkkkkk mano e o medo?! Detalhe, ele não parava de olhar a gente, por todo lado que tentávamos ir kkkkkkkkk ta loko!!!! Ainda bem que achamos um caminho, passando por cima de um riacho, com umas pedras e lá vamos nós ficar longe desse boi sinistro!!! Mas para nossa sorte, no caminho haviam mais bois e vacas, pareciam estar migrando kkkkkkkkk uma coisa mew… e eles vindo pela trilha, igual a gente! Cara, foi comédia demais! A gente deu de cara com uns 3 desses, aí paramos, não sabíamos se dava para voltar, se ia pra frente e não tinha mais como pegar atalho! O jeito foi subir um pouco numas pedras e esperar eles passarem… beleza, de boa, da nada! Só que a Thaísa tem muuuuuito medo kkkkk e ai ela subiu numa pedra e ficou lá quietinha, virou até de costas para os bois nem verem ela!!! E mew, parece que tem um chama, porque no meio dos bois tinha um bezerro e ele passou por mim, pelo outro rapaz e foi direto cheirar a Thaísa kkkkkkkkkkkkkk quando ele cheirou a perna dela, o grito foi instantâneo e um pulo também. Tanto que até o bezerro deu um pulo e saiu correndo!!! O bom é que ai liberou o caminho para a gente, mas dali em diante fomos dando risada de toda a situação, foi comédia demais! Contando não parece, mas na hora cara, ta loko!!!

 

E essa ficou mais uma história para a conta, da nossa aventura na Laguna 69.

Lá para 14:30h já estávamos na van, com muito frio e prontos para a volta! Esperamos um pouco algumas outras pessoas que faltavam e dali já partimos para Huaraz.

HB4116

No caminho demos aquela paradinha na laguna que faltara anteriormente e nossa valeu a pena, viu?! Estava linda, aquele azul turquesa incrível! Entre 18h ~ 19h chegamos em Huaraz, extremamente gratos por conhecer esse lugar incrível, com paisagens inimagináveis e trilhas que ficaram na memória!

IMG_20171029_143736713

No outro dia, às 09:45h pegamos nosso bus de volta para Lima, para de lá, partir para Guayaquil e conhecer um pouco do Equador.

IMG_20171029_214444010

Assim terminou nossa aventura pelo Peru e pela cidade peruana do trekking, Huaraz.

Foi show, incrível, maravilhoso e mega recomendamos para todos! Vale realmente a pena! Algo diferente de tudo!

Por hoje, ficamos por aqui, mas cola com a gente, pois em breve, se  Deus quiser, continuaremos contando como foi passar pelo Equador, conhecer esse país super da hora e que foi uma surpresa, pois gostamos bastante, principalmente da comida, acredita?!

Obrigaaaaaaaddddddddooooooo(aaaaaa) por nos ler e segue  a gente lá no insta @mundoempar e aqui no blog para ficar por dentro de várias dicas dos lugares que já passamos 😀 O mochilão já está quase no fim! Valeu pela companhia e tamo junto! PaZ!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: