Mochilão 2016 – Vamos para Patagônia? Puerto Varas e Bariloche

Dia 10 – Chegada em Puerto Varas – Chile

E aí, vamos continuar a aventura pessoal?IMG_20161016_131716842

Saímos de Pucón 08h da manhã e chegamos em Puerto Varas 12h45min, é bem pertinho! E porque Puerto Varas? Além de ser uma cidade bonita e também fazer parte da Patagônia Chilena é uma parada estratégica para Bariloche. Digamos que é melhor essa saída Chilena até Bariloche do que sair de Buenos Aires. Claro se você tiver mochilando e fazendo esse trajeto de ônibus, pois de avião é melhor direto de Buenos Aires.

Separamos para Puerto Varas apenas uma noite, ficamos no Hostal Compass del Sur, muito arrumadinho! Recomendamos! Infelizmente não deu para curtir muito esse dia, pois estava chovendo bastante e não fizemos nenhum passeio. Em Puerto Varas tem vários tipos de passeio, incluindo escalada em vulcão. Apesar de ser legal a cidade, na nossa visão, não tem como comparar com Pucón que ganha em vários aspectos. (Veja nosso Post anterior, tem todos os detalhes).

Depois de instalados no hostel, fomos procurar a passagem para Bariloche. Lá não tem uma rodoviária em si, a compra de passagens e saída do ônibus se deu em frente a loja da Andesmar, empresa de ônibus. Não lembramos onde fica, mas os taxistas conhecem bem. Compramos as passagens por uns R$300 nós dois com a empresa, saída às 08h da manhã e previsão de chegada às 15h, pois depende muito da imigração.

Dalí fomos a um shopping e passamos por umas lojinhas. Lanchamos e compramos empanadas para comer mais tarde no hostel. Outro ponto positivo desse hostel é que tinha uma lavanderia e aproveitamos para dar um grau em algumas roupas. O serviço foi bom! Ficou tudo cheirosinho e sequinho!

Aproveitamos esse dia mais calmo para descansar bastante, dormir mais cedo e nos preparar para a próxima aventura!

Dia 11 – Cruzando para Bariloche – Argentina

IMG_20161016_131802575

Acordamos cedinho, tomamos café da manhã no Hostel (que estava muito gostoso) e fomos para a Andesmar. Às 08h partimos. Ônibus muito tranquilo e estrada linda, montanhas nevadas maravilhosas. Paramos na imigração, já que estávamos saindo do Chile e entrando na Argentina. Tinha uma fila e demorou um pouco, mas nada anormal.

Chegamos na Rodoviária de Bariloche umas 15h30min e pegamos um táxi até nosso hostel. Nós  ficamos no Piuké e recomendamos demais!! É um local maravilhoso, super limpo, bem localizado. Para nós é um Hotel e não Hostel, de tão bem arrumado. Então não precisa ter medo, pode ficar nesse tranquilo kkkkkk. Separamos para esse destino 3 dias inteiros, sem contar o dia da chegada e o dia da saída.

IMG_20161016_173447298img_20161016_1736460831.jpg

Guardamos as coisas e já fomos explorar a cidade e pesquisar os passeios. A cidade é realmente um charme, só de falar da saudade rsrsrsrs. A construção lembra as cidades europeias, e a avenida principal tem muitas casas de chocolate (ponto forte deles). As mais conhecidas são Mamuschka e Del Turista, mas tem MUITAS OUTRAS. Além das casas de chocolates, tem restaurantes, confeitarias, galerias, etc. Paramos no Del Turista e tomamos um chocolate quente para aquecer, estava bem friozinho.  Após essa pausa começamos as pesquisas para os passeios.IMG_20161016_181104402IMG_20161016_184954679Tem várias opções para passeios, é bom ter em mente o que se quer fazer. Um muito procurado e que decidimos não fazer são os passeios de navegação para conhecer diversos lagos que cortam a região, optamos não fazer esse por conta dos nossos dias não serem muitos e termos mesmo que optar. Então escolhemos para o dia seguinte o Vulcão Tronador e Glaciar Negro, segundo dia um Tour que tem como parada principal o Cerro Catedral e terceiro dia optamos por não fazer passeio para ficar curtindo a cidade sem pressa (o que VALEU MUITO A PENA).

Após as pesquisas estávamos já com muita fome e fomos jantar. Escolhemos o restaurante Família WeissColoque na sua lista para visitar, além de ser lindo e a arquitetura perfeita a comida é muito saborosa e serve muito bem. Como prato principal a Thaísa comeu um bife de Chorizo e o Jeff um Filé Mignon , ambos muito saborosos.

 

Voltamos para a hosteria e fomos descansar para o dia seguinte, já sonhando com os passeios maravilhosos.

IMG_20161016_195458504

Dia 12 – Passeio ao Vulcão  Tronador

IMG_20161017_091232294Esse passeio é de dia todo, de 08h as 18h. A grande expectativa do dia é chegar até o vulcão tronador, é um vulcão inativo que mede cerca de 3400m . A vista também permite a admiração dos glaciares branco e o negro. Mas até chegar nessa parada final, passamos por várias outras lindas. Vamos falar de todas pra vocês!!

A van nos buscou no hostel às 08h e seguimos viagem pela rota 40, sul da Argentina. O caminho é longo, mas como tem algumas paradas fica dinâmico. A primeira descida é no lago Gutierrez, onde é possível observar os morros Catedral e Otto, coisa de cinema.

img_20161017_1033127161.jpgIMG_20161017_103350841

Voltamos para e van e seguimos viagem. A próxima parada foi no Lago Mascardi, coisa linda de ver!! Água cristalina com vários peixinhos. Ambiente muito calmo e delicioso de se estar =]

 

Ficamos um tempo curtindo e seguimos para o Mirante da Isla Piuqué Huapi, onde é possível ver uma linda ilha em formato de coração.

IMG_20161017_114523177IMG_20161017_114304177

A partir desse ponto já é possível ver lá longe o Tronador.

IMG_20161017_143510170IMG_20161017_144249413

Próxima parada foi em um local bem escondido que o guia nos levou, infelizmente não lembramos o nome. Mas os outros guias não estavam indo para esse local e só nossa van parou. Tinha uma espécie de cabana abandonada e mais a frente um lindo deck que nos levava ao lagoObserve pela foto que senhora vista!!! Para nós uma das melhores paradas do passeio, calmaria sem igual, conexão com a natureza!

IMG_20161017_122619990

A partir daí estávamos famintos rsrsrs. A próxima parada foi para o almoço em um local com estrutura e banheiro, etc. Tem-se duas opções de restaurante, mas são bem tabelados os preços e cardápio. Fomos onde a galera da van escolheu e comemos uma massa. Energizados continuamos o passeio, a próxima parada seria no tão esperado Tronador.

Andamos mais um pouquinho e chegamos. É realmente lindo!!! Uma imensa montanha, cercada por um lago verde bem clarinho com vários pedaços de gelo boiando (que caem direto do glaciar).

IMG_20161017_151025888

Outra vista linda é o próprio glaciar (branco) e o glaciar negro, ele é literalmente negro e ficou com essa coloração devido a mistura de gelo com barro. O guia nos deu tempo de admiração, fotos. Algo pra guardar na memória pelo resto da vida!!! Felizes com esse momento seguimos viagem de volta para Bariloche.

IMG_20161017_151354229

Chegamos no hostel umas 18h30min, tomamos banho e descansamos um pouco. Saímos para jantar. Não lembramos o restaurante desse dia. Voltamos para dormir e em breve começar outro lindo dia. Até lá!

IMG_20161017_150238235

Dia 13 – Circuito Chico + Cerro Catedral

Dois passeios clássicos em Bariloche são conhecidos como Circuito Otto e Circuito Chico. São como se fossem tours obrigatórios para conhecer melhor a cidade. Separamos para esse dia o Circuito Chico. Tem opção de saída pela manhã às 09h e a tarde às 15h, em média 4h de duração. Existe a possibilidade de fechar o circuito Chico + Cerro Catedral, foi o que fizemos. Então vamos aos detalhes?

Infelizmente não tivemos muita sorte no início do dia, pois o tempo estava bem fechado e chovendo. Isso impossibilitou de fazer o circuito completo. A primeira parada foi em um mirante que daria pra ver a cidade toda, porém por conta do tempo não tivemos essa vista. Mas ainda assim foi bonito, vista do lago com montanhas.

IMG_20161018_095702057.jpg

A rosa mosqueta é uma planta típica da região e a próxima parada é numa lojinha que vende vários produtos a base dessa rosa. Ela tem propriedades regenerativas. A lojinha oferece o chá como degustação e um tour explicativo dessas propriedades. Se houver interesse pode comprar alguns produtinhos. Nós compramos para a área dos olhos e é realmente muito bom.

IMG_20161018_103021579.jpg

Seguimos o circuito e a próxima parada é para ver a capela San Eduardo, toda feita de madeira, muito linda! Também é possível ver o famoso Hotel Llao Llao. Esse hotel é gigante e caríssimo, procurado por muitas celebridades. A diária custa em média R$850. Após essa pausa, continuamos o percurso e a próxima atração seria no Cerro Campanário, mas infelizmente não conseguimos fazer por causa da chuva. INFELIZMENTE MESMO.

Após essas pequenas decepções nós merecíamos uma surpresa não acham? E não é que tivemos?  Fomos então para a última parada, o Cerro Catedral. É um grande centro de esqui. Chegando na base o guia te deixa livre para comprar os ingressos, alugar roupa e marca o horário do retorno. Nós não íamos alugar roupa, pois não fomos na época da neve mesmo, mas como esse dia estava chovendo muito o  guia avisou que lá em cima estava nevando e nevando muito. Enquanto embaixo era chuva, lá no Cerro estava NEVE!! Olha só que alegria!!! Então alugamos as roupas e subimos de teleférico até o topo do cerro. O aluguel foi ótimo, sem a roupa correta, não aproveitaríamos tanto! Ficou em torno de R$150 nós dois!

 

Chegando lá foi só alegria!!! Muita diversão e brincadeira na neve (as fotos mostram melhor o tanto que estava nevando). A paisagem era incrível e nos sentimos em um filme na época de natal sabe? Tudo branquinho!! Fomos aquele casal bobo escorregando na neve, fazendo boneco, bolinhas para jogar no outro e MUITAS fotos. Bom demais da conta!!!

 

Depois de tanta brincadeira a fome de almoço bateu. Lá no cerro tem estrutura de restaurante, então almoçamos lá mesmo. Após o almoço aproveitamos mais a neve e depois descemos para o ponto de encontro com o guia.

 

Fim de passeio! Ao invés da van nos deixar no hostel, descemos na cidade para tomar um chocolate quente, mas dessa vez experimentamos o da Mamuschka. Muito gostoso e mais concentrado que o do Del Turista. Após essa pausa fomos para o hostel esticar um pouco as pernas, tomar um banho e depois sairmos para jantar.

À noite jantamos no restaurante Nebbiolo muito gostoso com ótimo atendimento. A Thaisa comeu um risoto e o Jeff um filé mignon ao molho de mostarda. Huuuummmm, delícia!!!Anote esse nome, vale a pena jantar um dia lá!

IMG_20161018_214810476

Voltamos gratos para descansar e esperar o novo dia!

Dia 14 – Dia separado para curtir essa cidade maravilhosa

Nosso último dia completo na cidade. Pensamos em fazer o circuito Otto, mas o tempo estava meio fechado, então resolvemos ficar mais tranquilos na cidade curtindo nossas últimos momentos. E para nós valeu muito a pena!! Vamos contar como foi pra vocês =)img_20161019_1141169271.jpg

Acordamos um pouquinho mais tarde, tomamos café da manhã e fomos bater perna. Tiramos fotos na famosa catedral da cidadepassamos nas galerias de lojas, compramos uns presentinhos para amigos e familiares.

Almoçamos num restaurante mais simples na avenida principal. A Thaisa comeu canelone recheado com ricota e espinafre e o Jefferson uma parmegiana de frango. Preço bem acessível. Abastecidos, continuamos nossa andança e descemos para beira do lago que corta a cidade. Andamos de ponta a ponta (andamos muito kkkkkkkkkkkk), tiramos fotinhas e contemplamos a paisagem.

IMG_20161019_143140638IMG_20161019_143810936

Já estava à tardezinha e fomos para uma cafeteria/restaurante chamada Rapanui. Agora vem um apelo pra vocês!!! Por favor, experimentem o café com chocolate que leva o nome da própria loja o “Rapanui“, o gosto é inexplicável e sem exagero é o melhor que já tomamos até hoje. Gostoso demais!!! Ficamos na confeitaria um bom tempo, pois estava passando jogo do Brasil, algum amistoso da vida kkkk ai ficamos por lá assistindo, só de boa =)

IMG_20161019_143049627.jpg

Voltamos para o hostel, arrumamos as coisas (pois partiríamos cedinho no outro dia), descansamos um pouco e jantamos Mcdonalds  mesmo haahah.

Acabou Bariloche =\ Só temos a agradecer por tamanha beleza e os bons momentos que passamos aqui, com certeza um local que queremos voltar. Outra ideia de Trip pra você que talvez não possa fazer um mochilão de vários dias poderia ser no Combo Buenos Aires + Bariloche? Ou então Pucón + Puerto Varas + Bariloche? Bom demais!!! E com 10 dias da pra fazer tranquilo =)

Obrigada mais uma vez por nos ler e fiquem ligados que a próxima parada promete altas emoções. Podemos ser ousados e dizer que fizemos um dos passeios mais emocionantes da nossa vida nessa próxima parada, que foi em El Calafate.

IMG_20161020_113751368

Então já já tem mais! Até logoooo!! Abraçoss =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: